SEXTA // 06 DE ABRIL DE 2018




Boogarins
Fernando Dinho Almeida e Benke Ferraz conheceram-se na cidade de Goinia e comearam a fazer msica juntos ainda adolescentes. A partir do jardim dos pais, atiravam-se pop psicadélica, mostrando a rica histria musical do Brasil através de um olhar moderno.  Na altura, o disco de estreia, As Plantas Que Curam (2013), resultante de uma gravao caseira, era distribudo mundialmente e o grupo comeava a ganhar nome em Goinia. Pouco depois, os concertos tornaram-se regulares em So Paulo e um pouco por todo o pas. Um ano aps o lanamento do disco de estreia, e com excelentes crticas na imprensa internacional, os Boogarins comearam a percorrer o mundo, com concerto em Austin, Londres, Madrid, Nova Iorque ou So Francisco, figurando ao lado de nomes slidos da atualidade da msica contempornea.

Manual (2015), o segundo lbum, foi nomeado para um Grammy Latino na categoria de melhor lbum rock e distinguido com um prémio de distino pela revista Mojo. Com digresses e gravaes constantes, em que destacam as presenas em festivais de renome como o Rock In Rio (Lisboa), Lollapalooza (So Paulo) ou Levitation (Vancouver), entre outros, o grupo tornou-se j no expoente mximo do rock brasileiro. Das gravaes realizadas em alguns destes festivais, jams e improvisaes, resulta o lbum ao vivo, Desvio Onrico, lanado em 2017 e composto por quatro longos temas. Também neste ano, o quarteto lana o terceiro lbum de estdio, L Vem a Morte, um disco com pouco menos de trinta minutos de durao e que apresenta uma nova era psicadélica no universo da banda. O novo trabalho levou j os Boogarins a apresent-lo no Rock In Rio Brasil e é o mote para a digresso que os traz Europa na primavera deste ano, pouco antes de rumarem aos Estados-Unidos para a estreia na edio de 2018 do festival Coachella, um dos maiores festivais de msica do mundo.

Boogarins Fernando Dino Almeida and Benke Ferraz began playing music together as teenagers in the central Brazilian city of Goinia creating psychedelic pop in their parents gardens, filtering their countrys rich musical history through a very modern lens. After two brilliant albums, As Plantas Que Curam (2013) and Manual (2015), La Vem a Morte (2017) is their new record, bringing a new wave of psychedelic sounds into the group.


6 ABR | BLACKBOX | 22H30 | 9 | M/12