música

nik colk void + maotik

apresentam beyond echoes

23 Mar

Sábado

18:00

9 eur

blackbox

m/6

A artista e produtora britânica Nik Colk Void junta‑se ao artista digital francês MAOTIK para estrear uma nova performance audiovisual baseada nas ideias de espaço, cosmos, vastidão e vazio. Esta peça é uma encomenda do gnration, Culturgest (Lisboa), Festival Tremor (São Miguel) e Madeiradig (Funchal).

nik colk void

Artista sonora, compositora e produtora de música eletrónica, Nik Colk Void emergiu na cena da música eletrónica e experimental como membro da elogiada banda Factory Floor. Utilizando instrumentos como a voz, guitarras e sistemas eurorack, a artista cria composições que derivam entre o techno, club, experimental e noise. Os álbuns de estúdio com os seus grupos, Factory Floor, Carter Tutti Void e NPVR, foram lançados por editoras como a Mute, DFA, Blast First, Editions Mego, Alter e Industrial. Estreou‑se a solo com o disco Bucked Up (2020) – que apresentou no gnration, no Festival Semibreve – e recentemente lançou, com Klara Lewis, Full‑On (2021), um trabalho gravado em Braga e apresentado também no Semibreve. Anteriormente, a artista já tinha passado pela cidade com Factory Floor.

maotik

Mathieu Le Sourd, mais conhecido como MAOTIK, dedica‑se à criação de ambientes imersivos, instalações interativas, esculturas digitais e performances audiovisuais, que surgem da intersecção entre arte, ciência e tecnologia. Grande parte do seu trabalho baseia‑se na alteração da realidade e manipulação da perceção do espaço, através de algoritmos gerados por computador, ferramentas audiovisuais e elementos gráficos gerados em tempo real. Trabalha frequentemente com cientistas e com artistas das mais variadas áreas, como a música, a dança, o teatro e a arquitetura. Nos últimos anos, as suas obras têm sido apresentadas um pouco por todo o mundo, em locais e festivais como Mutek, Sonar, ARS Electronica, British Film Institute, Oi Futuro, Art Basel, Frieze London, FIAC Paris, Signal Festival, Miraikan Science Museum, B39 e Funkhaus. Passou também pelo gnration com a exposição Wavelengths of Light, criada em residência artística no INL – Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, no âmbito do programa Scale Travels.

coprodução
gnration

cultugest (lisboa)
festival tremor (são miguel)
madeiradig (funchal)

British artist and producer Nik Colk Void and French digital artistMAOTIK get together to create a new live audiovisual performance based on the idea of cosmos, vastness, and void.

apoio república portuguesa – cultura / direção-geral das artes. rtcp – rede de teatros e cineteatros portugueses

 

Created using Figma